Festival Mulheres do Mundo

18 de novembro de 2018

Homenagem à Marielle Franco reúne lideranças negras no Museu do Amanhã

O território de partilha “Uma flor rompe o asfalto: mulheres que fazem História na política. Uma homenagem à Marielle Franco” reuniu Benedita da Silva, primeira mulher negra eleita senadora no Brasil; Talíria Petrone, professora e deputada federal; Edna Adan Ismail, ativista, fundadora e diretora do Hospital Maternidade Edna Adan Ismail (Somália); e Tainá de Paula, arquiteta, urbanista e ativista feminista, no último dia do Festival Mulheres do Mundo.
18 de novembro de 2018

Senhoras do Calendário e participantes do Miss Rua desfilam no WOW

O Festival Wow Mulheres do Mundo recebeu no sábado, 18, dois desfiles fora dos padrões da moda. No Armazém 1, dez mulheres em situação de rua, integrantes do projeto Miss Rua, e 11 modelos de terceira idade, participantes do Senhoras do Calendário, transformaram o espaço numa passarela e foram ovacionadas pelo público presente.
17 de novembro de 2018

Mulheres debatem desenvolvimento sustentável e consumo

17 de novembro de 2018

Programação WOW no Armazém

O Festival Mulheres do Mundo também ocupa o Armazém do […]
17 de novembro de 2018

Mulheres e Agroecologia – tudo a ver

Mesa debate o papel da mulher na agricultura, no agronegócio […]
16 de novembro de 2018

Começa no Rio a 1ª edição do WOW na América Latina

Às 10h da manhã, desta sexta-feira, 16, foi iniciado um evento inédito no Rio de Janeiro e na América Latina: WOW – Festival de Mulheres do Mundo. A mesa “Boas-vindas ao Wow”, que abriu o evento, foi composta por Jude Kelly, idealizadora do movimento WOW e ex-diretora artística do Southbank Centre (um dos maiores centros culturais da Europa) e Eliana Sousa Lima, fundadora da Redes da Maré – entidade curadora da edição carioca do festival. O movimento WOW foi criado em 2010 e já esteve presente em 23 países do mundo.