Ronda Coronavírus: Cidade do Rio inicia nova fase de reabertura de serviços

Mesmo em meio à pandemia, população fez fila para frequentar pontos turísticos

No início do mês de setembro, a prefeitura do Rio iniciou uma nova fase na reabertura dos serviços essenciais, com atenção às regras de distanciamento social e ocupação de um terço da capacidade. Na fase 6A acontece o retorno de museus, galerias e centros culturais, assim como casas de festas infantis e espaços de recreação nos shoppings. Após 30 dias, será feita uma análise com base nos números de ocupação de leito, contágio e mortes e a partir dessa avaliação, terá início a fase 6B

O feriadão foi de praias cheias e filas em pontos turísticos, como Pão de Açúcar, Corcovado e Parque Lage, desrespeitando o distanciamento na filas e a permanência na areia. Os pontos turísticos seguem com a capacidade de ocupação reduzida, de acordo com o plano de reabertura dos serviços não essenciais.

Com a queda dos números de casos de covid-19 e o fechamento dos hospitais de campanha, a taxa de ocupação de leitos de UTI para covid-19 na rede SUS diminuiu de julho até o momento. Entretanto, a taxa de ocupação na UTI da rede SUS da capital aumentou de julho a setembro, passando de 65% para 82%. Tendo em vista a pandemia e o medo de contágio, muitos pacientes abandonaram os seus tratamentos e alguns casos agravaram, precisando retornar aos hospitais. Na cidade do Rio, desde o início da pandemia, são 93.899 pessoas contaminadas com o novo coronavírus e 9.957 vítimas fatais.

Covid-19 nas favelas

Assim como na cidade, a circulação de pessoas pelas ruas da Maré foi grande no feriadão. Nesta terça-feira (08), o conjunto de favelas chegou à marca de 592 pessoas contaminadas e 92 vítimas confirmadas em decorrência à covid-19, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com o boletim De Olho no Corona!, são mais  1.086 casos suspeitos e mais 34 mortes sem confirmação, totalizando  entre suspeitos e confirmados 1.667 casos e 126 mortes 

Atendimento on-line

A ONG Redes da Maré lançou um canal de atendimento on-line para responder dúvidas da campanha, fazer atendimentos do Maré de Direitos e passar informações sobre o funcionamento da organização nesse período. Funciona com o envio de mensagem de texto pelo WhatsApp no número (21) 99924-6462. Confira mais informações na matéria de Hélio Euclides para o Maré Online.

Jornal Maré de Notícias

Após cinco edições de produção apenas on-line, nesta terça-feira (08) o jornal Maré de Notícias voltou a circular pelas ruas da Maré. Paramos, para proteger os distribuidores, a nossa equipe e a população da Maré, mas voltamos tomando todos os cuidados necessários. Na última semana os distribuidores passaram pelo processo de testagem para que a partir dessa semana eles pudessem estar nas ruas entregando os jornais aos moradores e moradoras da Maré. O jornal já está disponível para leitura no site.

Maré em Tempos de Coronavírus

O trabalho de trazer cuidados em saúde, com informação, atendimento, testes e isolamento seguro para a população da Maré no combate ao coronavírus está crescendo! O projeto #ConexãoSaúde – De Olho na Covid-19 foi detalhado no episódio 13 do podcast Maré em Tempos de Coronavírus também falamos sobre o Conexão Saúde. Eliana Sousa Silva conversou com a pneumologista da Fiocruz Margareth Dalcomo sobre o projeto e cuidados com a saúde. Para ouvir todos os episódios clique aqui! Mande suas perguntas e sugestões para o e-mail: podcast@redesdamare.org.br.

Série Visibilidades e Parada LGBTQIA+ da Maré

A Redes da Maré está produzindo uma série de vídeos sobre visibilidades dentro do grupo LGBTQIA+. Já conferiu? Em celebração ao dia da Visibilidade Lésbica, 29 de agosto, foi feito um especial de três episódios. O primeiro convidou mulheres lésbicas de dentro e fora da Maré a compartilharem reflexões a partir de suas próprias experiências. No segundo, rolou uma introdução ao significado da sigla LGBTQIA+. E o próximo sai no próximo sábado. Confira também a 10ª edição da Parada LGBTQIA+ da Maré, realizada pelo Grupo Conexão G e com parceria do Laboratório de Design de Histórias (DHIS-PUC-Rio) e Grupo Entidade. Os vídeos estão disponíveis no canal do YouTube da Redes da Maré.

O direito à praia no Maré de Notícias 

Todo mundo tem uma boa história com praia. E o Maré de Notícias está produzindo uma matéria sobre o direito à praia, diante das alternativas apresentadas pela prefeitura do Rio como medidas de isolamento social. A equipe está recolhendo relatos para compor a reportagem. Conte a sua história e compartilhe essa ideia com outros mareenses! Clique aqui para acessar!

Nenê do Zap

A dica de hoje é sobre a importância do sono dos nenês, principalmente o sono da tarde, fundamental para que eles possam dormir bem à noite e não fiquem estressados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui