Cidade de Deus é alvo de operações policiais consecutivas

Rio de Janeiro - Moradores da Cidade de Deus protestam contra violações de diretos nas operações policiais após os confrontos com mortes na comunidade no último final de semana (Fernando Frazão/Agência Brasil)

Desde o último dia 19, favela já foi palco de três operações policiais; moradores pedem paz

Por: Camille Ramos

Desde a última semana, moradores da Cidade de Deus enfrentam dias de muita violência. A operação do dia 19, realizada pelas equipes das delegacias de Combate às Drogas (Dcod) e de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), atuaram no local com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) e de helicópteros do Serviço Aeropolicial (Saer). O perfil “CDD Acontece” postou denúncias sobre o uso do helicóptero como plataforma de tiros.

Na última quinta-feira, 21, outra operação realizada pela PM deixou três feridos. A Estrada Miguel Salazar Mendes de Moraes chegou a ser interditada nos dois sentidos, após móveis e pedaços de madeira serem incendiados no local. A madrugada de sábado,23, também foi marcada por tiros e, segundo o jornal Extra, o dia amanheceu com pouco movimento nas ruas e os moradores permanecem assustados.

No Twitter, moradores fazem apelos de paz pela comunidade. “Fico apavorada! Pq q cismam de fazer operação justamente na hr q o povo está saindo pra trabalhar e ir pra escola cara? Q Deus proteja o povo da CDD”, compartilhou o perfil @meneseslayne.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui