Em breve, mais um jornalista no território

O jovem Jonatas Magno acaba de finalizar o primeiro período de jornalismo na Uerj e já planeja outras conquistas

Eliane Salles

“Meus pais ficaram muito felizes. Mas que eu até”, diz, com um sorriso no rosto, o jovem mareense Jonatas Magno Campos da Silva. O rapaz, de 19 anos, passou para o curso de jornalismo na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), uma das mais conceituadas e difíceis de ingressar, e se tornou a primeira (e por enquanto a única) pessoa de sua família a ‘sentar’ nos bancos de uma universidade.

Jonatas mora na Nova Holanda com os pais (a mãe trabalha com o avô em um ferro velho e o pai é balconista em uma loja de materiais de construção) e a irmã. Jonatas fez o Ensino Médio no Núcleo Avançado de Desenvolvimento (Nave) – uma parceria público-privada entre o Colégio Estadual José Leite Lopes e o Instituto Oi Futuro. Mesmo com essa carga de estudos pesada (o curso era integral) Jonatas decidiu cursar o Pré-Vestibular da Redes da Maré (CPV). Isso em 2017.

Perseverança

Apesar do grande desejo de se preparar para o vestibular de jornalismo, o cansaço, com frequência, vencia. E Jonatas não conseguia comparecer às aulas e atividades do CPV da Redes. Resultado: não foi em 2018 que o sonho de ingressar na universidade foi realizado. Mas isso estava prestes a acontecer. Já com o Ensino Médio concluído, Jonatas passou a se dedicar exclusivamente a estudar para as provas de ingresso à universidade. Primeiramente, fez isso sozinho. Mudou de ideia no segundo semestre de 2018: voltou a Redes da Maré. Conclusão: atualmente prepara-se para cursar o segundo período – está cheio de planos e cada vez mais certo do que quer: ser jornalista esportivo. Perseverança, talento e a torcida da família, amigos e equipe da Redes da Maré não faltarão.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui