Maré de Notícias #65

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[toggles class=”yourcustomclass”]

[toggle title=” Editorial  – Diversidade cultural”]

Esta edição reflete a diversidade e a pulsação cultural da Maré. Em setembro, teremos um pouco de tudo: parada LGBT, evento gastronômico, exposição de arte contemporânea, teatro engajado e exposição de fotos e exibição de um curta-metragem sobre a cena do crack. E em outubro, teremos encontro para troca de experiências sobre MPB. Tentamos divulgar alguns eventos, mas certamente há muitos outros, tão merecedores quanto.

Como nem tudo são flores, o artigo da Anistia nos lembra uma triste realidade, infelizmente bastante próxima de nós: os homicídios decorrentes das incursões da Polícia Militar, em geral tratados como “autos de resistência”, porém sequer investigados. Casos impunes que alimentam o ciclo da violência, conforme destaca o artigo da pág. 11.

A luta por direitos e por mais qualidade de vida permeia a história dos moradores que aparecem nesta edição. Seu Ramos da Laje, o pescador Massa, o paratleta Felipe, o Raphael dos vines e tantos outros que, a cada mês, vamos buscando apresentar, atendendo às sugestões, debatendo e trocando ideias pelas ruas da Maré.

Boa leitura a todas e todos!

[/toggle]

[toggle title=”Artigo: Feira de Saúde e Parada LGBT”]

Domingo, 6 de setembro, acontece o Festival de Cultura, Direitos e Cidadania LGBT de favelas 2015, na Rua Teixeira Ribeiro, próximo ao número 535. As atividades começam às 7h, com café da manhã durante a montagem das barracas da Feira de Saúde Maré Saudável, que abrirá às 10h. Durante todo o dia haverá oferta de serviços de ação social e de assistência, além da apresentação de trabalhos de organizações comunitárias que atuam com promoção da saúde.

O público poderá se informar a respeito de encaminhamento de denúncias de violência por orientação sexual e homofobia, receber orientação sobre retirada de documentos, conhecer serviços de referência para a população LGBT, entre outras ações. Também será lançada a Cartilha LGBT de Favelas. Pela primeira vez, haverá o Prêmio Atila Ramalho, que homenageará pessoas engajadas na luta pelos direitos da população LGBT.

Às 17h, haverá a já tradicional parada LGBT, com saída da Praça do Parque União. O evento é organizado pelo Conexão G com apoio de postos de saúde da Maré.

[/toggle]

[toggle title=” Vida Real promove cultura da MPB”]

O Instituto Vida Real está organizando a Feira Cultura da MPB, que durante dois dias apresentará trabalhos de alunos e promoverá atividades de valorização do conhecimento sobre a música popular brasileira. A ideia surgiu quando os professores detectaram um fraco conhecimento sobre o tema, mesmo entre os alunos de canto e instrumentos musicais.

 

A partir daí, teve início um trabalho de pesquisa e sensibilização que apresentou resultados positivos, que agora serão compartilhados com os moradores e trabalhadores da Maré. Anote na agenda. Serão dias de encontros com troca de conhecimento, música e festa pautada nessa temática. A feira será nos dias 15 e 16 de outubro, quinta e sexta, na Casa de Festas Ocle Night, na Rua Bittencourt Sampaio, 155, de 10h às 18h.

 

[/toggle]

[toggle title=” Dupla dinâmica”]

As moradoras Iraci Costa e Eudésia Santos da Silva estão formando parceria. Iraci é cantora, tem três CDs gravados e entrou em contato conosco assim que leu o poema “Favela”, de Eudésia, publicado no Maré de Notícias de junho (ed. 63). “Quero fazer uma música para essa poesia”, disse ela. As duas já se conheceram e o combinado é Iraci cantar primeiro outro poema de Eudésia, que já tem melodia pronta. Parabéns às duas!

 

[/toggle]

[/toggles]

 

 

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui