Casa das Mulheres recebe curso de Capacitação Profissional em Cabelos Naturais

Data:

Por: Camille Ramos

Doze moradoras da Maré estão recebendo capacitação profissional na Casa das Mulheres para atuar no mercado de cabelos naturais. O curso está na sua terceira semana e é uma iniciativa de Renata Varella e Andressa Abreu, criadoras do Clube das Pretas, que presta consultoria especializada em cabelos crespos e cacheados naturais. Ao todo, serão oferecidas 200 horas de aula sobre corte, penteado e auxílio na transição capilar.
O projeto é uma criação piloto que tem por objetivo inserir mulheres em situação de vulnerabilidade social no mercado de trabalho, direcionando-as para a área de cabelos naturais, que conta com uma demanda crescente e poucos profissionais preparados. “Trabalhamos uma forma específica para cuidar do cabelo de mulheres negras, então montamos o curso pensando em falar também sobre desenvolvimento pessoal, cidadania, trato com a mulher, como entrar no campo do outro, como estar preparada para tocar na cabeça do outro. É um conteúdo bem completo. E elas estão no caminho da desconstrução, encantadas com a possibilidade de ver os resultados que conseguimos atingir de forma natural. É importante repassar esse conhecimento e mostrar que a mulher negra merece um atendimento digno”, conta Renata Varella.  
As aulas acontecem todos os dias e o conteúdo foi pensado e estudado pelo Clube das Pretas. A ideia é que o curso circule por mais favelas do Rio. Para viabilizar o material, que é todo oferecido por Renata e Andressa, foi criada uma vaquinha online disponibilizada no link abaixo. Contribua! bit.ly/doeclubedaspretas

Fotos: Camille Ramos


Compartilhar notícia:

Inscreva-se

Mais notícias
Related

Ativista e jornalista da Maré no G20

Do Conjunto de Favelas da Maré à conferência da 19a reunião de cúpula do G20, a trajetória de Kaya Bee, moradora da Nova Holanda é um exemplo inspirador na luta por um futuro mais justo e sustentável. Aos 27 anos, mãe, ativista climática e estudante de jornalismo, ela carrega a força e a resiliência de quem enfrenta os desafios da vida na favela com a determinação de transformar a realidade para os mareenses.