Conceição Evaristo, Ailton Krenak, Anielle Franco e Nego Bispo lançam livro juntos

Foto: Marcia Farias/Divulgação IMJA Legenda: Nego Bispo, Ailton Krenak, Marinete da Silva e Luyara Santos, mãe e filha de Marielle Franco, respectivamente, e Conceição Evaristo.

Conceição Evaristo, Ailton Krenak, Anielle Franco e Nego Bispo lançam livro juntos

O Instituto Maria e João Aleixo (IMJA) realiza nesta quinta-feira (1), às 18h, o lançamento virtual do livro “Mestre das Periferias” pela Editora Periferias.

Por Dani Moura em 01/07/2021 às 15h30

Em 2018, a Maré foi palco do Mestre das Periferias, uma premiação que tem o intuito de estimular e promover a produção de conteúdos sobre o território das favelas e periferias, fortalecendo uma perspectiva de valorização desses espaços plurais e inventivos, ricos de saberes orgânicos, cuja a origem vem do cotidiano da troca, da solidariedade e do coletividade — práticas tão difundidas nas favelas, aldeias indígenas e quilombo. Na época, o líder indígena Ailton Krenak, o líder quilombola Antonio Nêgo Bispo, a escritora Conceição Evaristo e a vereadora Marielle Franco (in memoriam), foram as pessoas homenageadas pelo Instituto Maria e João Aleixo, organizador do prêmio que aconteceu no Galpão Bela Maré.

Foto: Marcia Farias/Divulgação IMJA
Marinete da Silva, Anielle Franco e Luyara Santos, mãe, irmã e filha de Marielle Franco, em 2018 na premiação no Galpão Bela Maré.

O encontro entre Krenak, Conceição e Nêgo Bispo e a família de Marielle era inédito e acontecia nos bastidores e aquecimento da premiação em agosto de 2018. E é dele que surge o livro “Mestre das Periferias” pela Editora Periferias com entrevistas dos premiados, acompanhadas de aula proferida por Nêgo Bispo no Curso Significações das Periferias (2019), além de texto em memória e homenagem a Marielle Franco: uma flor que rompe o asfalto!

Para Anielle Franco o lançamento desse livro tem imensa importância. “O lançamento é um ato político de resistência, de afeto. Nós estivemos presencialmente e foi muito lindo dividir espaço com Krenak, Conceição naquele momento foi acalentador. Qualquer homenagem é especial, mas uma homenagem junto de Conceição, Krenak e Nêgo Bispo é demais especial. Esse livro representa muita coisa, uma história que não pode ser silenciada e que deve ser lembrada sempre. Minha irmã deve estar muito feliz”.

A publicação que é virtual também relata o “primeiro encontro” entre Conceição Evaristo, Ailton Krenak, Nêgo Bispo e Anielle Franco, que se repete hoje, virtualmente. Com a apresentação da digital influencer Paloma Calado e mediação da integrante do conselho diretor do IMJA Patrícia dos Santos, o lançamento do livro, acontece no canal do Youtube da Uniperiferias.

O Instituto Maria e João Aleixo, criador do prêmio, sistematiza e difunde metodologias e tecnologias sociais que permitem ampliar as possibilidades da pessoas oriundas das periferias, especialmente no lugar político da realidade contemporânea. A ideia é construir um movimento Internacional das Periferias que articula pesquisadores associados, ativistas sociais e produtores culturais para a criação de processos colaborativos que possam ampliar os estudos e políticas de desenvolvimento territoriais. A premiação é uma dessas ações. “O Mestre das Periferias é uma homenagem de uma instituição que nasce na favela da Maré, e que conflui com aldeias indígenas, quilombo e com as periferias globais. O encontro de Ailton Krenak, Conceição Evaristo, Nêgo Bispo e família de Marielle Franco foi histórico, e assim esperamos que seja seu reencontro: repleto de celebração”, afirma Daniel Martins, coordenador de projetos na editora Periferias.

O livro já se encontra disponível para pré-venda em: www.eduniperiferias.com.

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionar Ctrl + Enter.

Daniele Moura

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Nossos editores são notificados.