Fiocruz lança primeiro edital para saúde das Favelas no Brasil

Data:

A iniciativa incentiva a participação de coletivos e movimentos de favela em parceria com instituições formalizadas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) abriu nesta terça-feira (02) as inscrições para o Plano Integrado de Saúde nas Favelas do Rio de Janeiro, o primeiro edital no Brasil voltado para a saúde integral das Favelas. A iniciativa busca selecionar projetos focados em ações de saúde. Cada projeto pode receber até R$100 mil. A meta é incentivar parcerias entre as instituições na elaboração de propostas. 

O edital está aberto para submeter inscrições até o dia 02/02. O foco principal é em instituições sem fins lucrativos crias de favela. Um diferencial deste edital é a permissão de participação de instituições que não têm CNPJ na coordenação de projetos, desde que seja feita em parceria com instituições que comprovem a cooperação e tenham CNPJ ativo. 

As inscrições podem ser feitas por meio do link, os documentos necessários, etapas e mais detalhes podem ser consultados no regulamento da chamada pública que está disponível também em linguagem simples e Libras. O valor total destinado para investimentos em projetos é de R$ 5,5 milhões, esta já é a segunda vez que a Fiocruz abre este edital. A primeira aconteceu em 2021, ao todo, 90 projetos poderão ser beneficiados com a iniciativa. 
As propostas podem ser voltadas para a educação, comunicação, segurança alimentar, saúde mental, sustentabilidade. Desde 2021, a iniciativa da Fiocruz em parceria com UFRJ, Uerj, PUC-RJ, SBPC, Abrasco e Alerj já impactou a vida de mais de 325 mil pessoas.

Compartilhar notícia:

Inscreva-se

Mais notícias
Related

Povo negro resiste frente às estruturas de discriminação racial 

Racismo institucional é alimentado pela falta de reconhecimento do racismo estrutural, pela sub-representação de pessoas negras em cargos de liderança e pelo apagamento da contribuição e identidade negra na história e na cultura

Evento leva atividades pós-carnavalescas gratuitas para Fiocruz

Amanhã, das 10 às 16h, atração musical, atividades externas, oficinas, exposições e teatro dão o tom do “Quero + Folia no Museu”, um evento que vai abrir as portas da FioCruz