Muito prazer, somos a OCUPAÇÃO*

Capa da edição comemorativa de 1 ano da revista digital OCUPAÇÃO destaca espaço que será ocupado pelo Maré de Notícias na publicação | Foto: Reprodução

Muito prazer, somos a OCUPAÇÃO*

Por Luca LK, em 07/10/2021 às 12h20

Nelson Mandela, em sua autobiografia, contou que seu pai era um importante líder de uma aldeia na África do Sul. Quando todos se reuniam para discutir algum problema coletivo, seu pai era o último a falar. Vejam, o líder de uma comunidade escutava todos os presentes para depois falar e tomar uma decisão. Uma boa escuta precede a fala.

Mano Brown, em um discurso pré eleição de 2018, disse: “A comunicação é alma”. Falar para quem gosta de ouvir o que falamos é fácil. Falar para quem não nos escuta é um desafio. Inspirada nessas ideias, nasce a OCUPAÇÃO, uma revista digital que, antes de falar, escuta e que busca estabelecer conexões entre pessoas.

Em meio aos desafios da pandemia, propusemos a criação de uma revista que fosse  feita por vozes independentes e periféricas e que fizesse com que essas vozes ocupassem diferentes contextos. Com um ano de vida, essas vozes já ocuparam vários lugares: chegaram em São Paulo, na Bahia e no Rio Grande do Sul; atravessaram o Atlântico e desembarcaram em Cabo Verde e em Portugal; Espalharam se pelas universidades, quebradas, manguezais e botequins; e agora, alcançaram o Complexo da Maré.

Sempre escutando e ocupando. Sim, ocupando. 

A palavra ocupação, que dá título ao projeto, não foi escolhida por acaso. Ocupar é ressignificar vivências e espaços. É entender o contexto e saber das possibilidades de contribuição. Ocupar é uma construção coletiva. 

Espaço dedicado ao Maré de Notícias na edição comemorativa
Espaço dedicado ao Maré de Notícias na edição comemorativa | Foto: Reprodução

Por isso, ao longo desse último ano, encontramos parceiros e parceiras que acreditaram na ideia de que podemos ocupar, ressignificar espaços e ampliar reflexões. Nunca estivemos sozinhos. A Wilifa, hub de projetos na Zona Leste de São Paulo, acreditou desde o início e esteve disposta a nos ouvir e dialogar sobre as questões sensíveis que abordamos na revista.

Além da Wilifa, muita gente passou pela revista e criou vínculo para além do mundo virtual. Novos projetos foram pensados e novas formas de ação e escuta foram realizadas. Criamos o OCUPACast, nosso podcast no Spotify; fizemos a OCUPA contra o frio, uma campanha de arrecadação e distribuição de cobertores e kits de higiene nas quebradas da Zona Sul de São Paulo; fomos convidados para participar de eventos culturais. E muito mais está por vir.

Nesse ano de existência, deixamos claro que nunca falaremos por ninguém. Cada um que passa pela OCUPAÇÃO, compartilha suas vivências e registra suas experiências nas páginas da revista. 

Acreditamos que o registro dessas vivências constrói um acervo criado por e para quem vive no Brasil de hoje, mas que pensa no futuro. Os relatos, fotos, áudios e reflexões garantem que essas vozes periféricas sejam preservadas e que, assim como a de Marielle Franco, cria da Maré, se tornem um importante legado de luta e resistência.  

Seguiremos ocupando.

*A revista digital OCUPAÇÃO se une aos parceiros Alma Preta, Projeto #Colabora, data_labe e Énois Conteúdo para, além de ampliar o alcance da mensagem sobre a potência da Maré contida na missão do Maré de Notícias, apoiar no objetivo de entrar em contato com novos olhares e ressignificar discursos.

Luca LK é editor da revista OCUPAÇÃO

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionar Ctrl + Enter.

mareonline

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Nossos editores são notificados.