Vacinação no Rio: pessoas de 63 ou mais podem imunizar essa semana; dois novos postos são inaugurados

Data:

Previsão da Prefeitura é vacinar toda população de 60 anos até dia 24/4

Por Edu Carvalho, em 12/04/2021 às 13h

Nesta semana, idosos de 63 ou mais poderão vacinar-se contra a Covid-19 no município do Rio de Janeiro. O calendário segue a previsão da Secretaria Municipal de Saúde, que divulgou nesta segunda dois novos postos de imunização: o Museu Militar Conde de Linhares, em São Cristóvão, numa parceria com o Exército Brasileiro, e que funcionará de segunda a sábado, das 8h às 17h; e o Club Municipal, na Tijuca, aberto de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Hoje a vacina está sendo aplicada em mulheres de 63 anos, profissionais de saúde de 54 anos e a segunda dose de quem já tomou a primeira. Para conferir o calendário oficial completo, a população pode acessar o site da Prefeitura do Rio e as redes sociais da SMS.

CoronaVac tem eficácia maior comprovada em intervalo de 21 dias

Um estudo clínico final sobre a Coronavac divulgado ontem, domingo (11/4), mostra que a eficácia da vacina é maior do que nos resultados iniciais divulgados entre dezembro e janeiro. O estudo foi feito pelo Instituto Butantan, que produz a vacina em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.

Na publicação da revista científica ‘The Lancet’, a eficácia para casos sintomáticos de Covid-19 atingiu 50,7%, ante os 50,38% informados inicialmente, reduzindo pela metade os novos registros de contaminação em uma população imunizada.

Segundo o estudo encaminhando neste domingo, a eficácia da CoronaVac pode chegar a 62,3% com um intervalo de mais de 21 dias entre as duas doses da vacina.

Compartilhar notícia:

Inscreva-se

Mais notícias
Related

Entenda o Projeto de Lei que equipara aborto em casos de estupro a homicídio 

O Projeto de Lei 1904/2024, chamado de “PL da Gravidez Infantil” ou “PL do Aborto”, equipara o aborto após a 22ª semana de gestação ao crime de homicídio, criminalizando mulheres e profissionais de saúde envolvidos no procedimento.

Operação da Polícia Civil é marcada por intenso tiroteio e correria em três favelas da Maré

O Maré de Notícias recebeu vídeos que mostram mães correndo e procurando se proteger dos disparos abraçadas a seus filhos por causa do horário de saída do período matutino