Ministério da Saúde decide incluir adolescentes de 12 a 17 anos no plano de vacinação contra a covid-19

Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. Foto: Tãnia Rego, Agência Brasil

Ministério da Saúde decide incluir adolescentes de 12 a 17 anos no plano de vacinação contra a covid-19

Medida é tomada em conjunto as secretarias municipais e estaduais de Saúde

Por Edu Carvalho, em 28/07/2021 às 07h

Em um plano de unificar as medidas para vacinação contra o coronavírus no Brasil, o Ministério da Saúde, em conjunto com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde e 

o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, divulgaram ontem (27), uma nova diretriz sobre os próximos passos da imunização no país. Na normativa, foram incluídos 12 a 17 anos para vacinação após a conclusão do envio de ao menos a 1ª dose à população adulta.

Também ficou decidido que os estados e municípios devem seguir as definições do Plano Nacional de Imunização, o PNI, em relação aos intervalos das doses de vacinas, que deve estudar a antecipação do imunizante a partir de evidências científicas.

“Nossa expectativa é atingir a população acima de 18 anos vacinada até o começo de setembro. A partir daí, vamos discutir a redução no intervalo da dose da Pfizer, assim a gente avançaria com a 2ª dose em um nº maior de pessoas e também os abaixo de 18 anos”, disse o ministro da Saúde Marcelo Queiroga.

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionar Ctrl + Enter.

Edu Carvalho

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Nossos editores são notificados.