#CaiuNaRede: É falso que Polícia Militar do Rio de Janeiro tem novo ‘caveirão’

Data:

Corporação nega qualquer relação com a divulgação do veículo

Link de referência: http://www.facebook.com/starmotorsrj/posts/3567515826672431

Thaís Cavalcante (Maré de Notícias, especial para a Lupa)

Circula nas redes sociais um vídeo que mostra o que seria o novo blindado da Polícia Militar do Rio de Janeiro, conhecido popularmente como “caveirão”. A legenda da publicação sugere que o carro foi montado a partir do modelo da Nova Nissan Frontier. O conteúdo foi verificado no Caiu na rede: é fake?. Confira:

“Novo Caveirão da Polícia do Rio de Janeiro montado em cima da Nova Nissan Frontier”

Texto acompanha o vídeo no Facebook que, até as 13h do dia 3 de novembro, tinha sido compartilhada 70 mil vezes

FALSO

A informação é falsa. O veículo apresentado no vídeo não é o novo caveirão da PM do Rio de Janeiro. Ele não faz parte nem está em testes para ser integrado à frota da corporação, segundo a Secretaria de Estado da Polícia Militar do Rio. A nota reforça, ainda, que a Polícia Militar não tem nenhum tipo de relação oficial com a divulgação do blindado.

Procurada, a Nissan Brasil garante que o veículo é realmente feito a partir de um modelo Nissan Frontier, mas não comentou sobre a produção do blindado. Em setembro de 2019, o então governador Wilson Witzel divulgou o que poderia ser um novo modelo de viatura, uma Picape Nissan Frontier.

Nota da redação: o projeto Caiu na rede: é fake? é uma parceria da Agência Lupa com Voz das Comunidades, Favela em Pauta e Maré de Notícias e conta com o apoio da Fundação Heinrich Böll Brasil. 

Compartilhar notícia:

Inscreva-se

Mais notícias
Related

8ª Edição do Fórum Sobre Drogas na Maré começa nesta segunda-feira

O encontro, criado em 2016, surgiu com o intuito de fortalecer a rede de cuidado e saúde para o atendimento da população em situação de rua e pessoas que fazem uso abusivo de álcool e outras drogas

Ativista e jornalista da Maré no G20

Do Conjunto de Favelas da Maré à conferência da 19a reunião de cúpula do G20, a trajetória de Kaya Bee, moradora da Nova Holanda é um exemplo inspirador na luta por um futuro mais justo e sustentável. Aos 27 anos, mãe, ativista climática e estudante de jornalismo, ela carrega a força e a resiliência de quem enfrenta os desafios da vida na favela com a determinação de transformar a realidade para os mareenses.