#CaiuNaRede: É verdade que ninguém pode ser obrigado a fazer intervenção cirúrgica

Data:

Afirmação em post no Instagram está no artigo 15 do Código Civil Brasileiro

Thaís Cavalcante (Maré de Notícias, especial para a Lupa)

Circula nas redes sociais uma imagem com um texto supostamente tirado do artigo 15 do Código Civil Brasileiro. O trecho afirma que “ninguém pode ser constrangido a submeter-se, com risco de vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica”. A publicação teria sido feito pela deputada federal Bia Kicis. O conteúdo foi verificado no Caiu na rede: é fake?. Confira:

“Ninguém pode ser constrangido a submeter-se, com risco de vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica

Trecho de post no Instagram que, até as 12h do dia 3 de dezembro de 2020, tinha mais de 33 mil curtidas

VERDADEIRO

A informação é verdadeira. A publicação, feita pela deputada federal Bia Kicis em seu perfil no Instagram em outubro, traz um trecho do Capítulo II do Código Civil Brasileiro. No artigo 15 diz: “ninguém pode ser constrangido a submeter-se, com risco de vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica”.

Nota da redação: o projeto Caiu na rede: é fake? é uma parceria da Agência Lupa com Voz das Comunidades, Favela em Pauta e Maré de Notícias e conta com o apoio da Fundação Heinrich Böll Brasil.  

Compartilhar notícia:

Inscreva-se

Mais notícias
Related

8ª Edição do Fórum Sobre Drogas na Maré começa nesta segunda-feira

O encontro, criado em 2016, surgiu com o intuito de fortalecer a rede de cuidado e saúde para o atendimento da população em situação de rua e pessoas que fazem uso abusivo de álcool e outras drogas

Ativista e jornalista da Maré no G20

Do Conjunto de Favelas da Maré à conferência da 19a reunião de cúpula do G20, a trajetória de Kaya Bee, moradora da Nova Holanda é um exemplo inspirador na luta por um futuro mais justo e sustentável. Aos 27 anos, mãe, ativista climática e estudante de jornalismo, ela carrega a força e a resiliência de quem enfrenta os desafios da vida na favela com a determinação de transformar a realidade para os mareenses.