Incêndio atinge Creche Municipal Pescador Albano Rosa, na Maré

Incêndio atinge Creche Municipal Pescador Albano Rosa, na Maré

Por Edu Carvalho e Hélio Euclides, em 10/09/2021 às 15h29. Atualizada ás 17h39

No início da tarde desta sexta-feira (10/9), Um incêndio tomou conta da Creche Municipal Pescador Albano Rosa, na Vila dos Pinheiros, uma das 16 favelas do Conjunto de Favelas da Maré, na Zona Norte do Rio.

”A escola funcionava em containers, foi uma tragédia anunciada. A obra foi uma maquiagem, uma pintura. Já tínhamos feito reclamação a 4 CRE e nada. Agora temos que ouvir promessa de secretário. Deu tudo certo graças aos professores que levaram no colo minha filha dormindo para um local seguro”, disse Maria do Remédio Braga, mãe de uma aluna.

Outra que relatou a tensão vivida entre os responsáveis foi Luciene Silva, mãe representante da Creche. ”A escola tinha o teto rebaixado, com matéria que ajudou na combustão. Está sendo muito difícil ver a escola virá cinza. Foi feito o máximo para a abertura esse ano, mas a escola funcionava na medida do possível”.

Para a coordenadora da 4ª CRE, Fátima Lima, a mobilização só pôde ser contida pela união dos profissionais da escola. ”Foi um grande susto. O bom foi que ninguém ficou ferido. Parabenizo todos que fizeram a retirada das crianças”. Ela enfatiza que a escola passou recentemente por uma reforma.

Até o momento, não houve registro de feridos e o fogo foi controlado. O Corpo de Bombeiros está no local fazendo o rescaldo da região.

Segundo o seccretário municipal de educação, Renan Ferreirinha, o problema é uma questão das escolas da região (feitas de containêrs). ”Fiz questão de falar com as mães. O pensamento é ir resolvendo essa problemática. Nesse caso agora vamos tirar os escombros e já entrei em contato com o prefeito que vai transformar o local num Espaço de Desenvolvimento Infantil. Antes as escolas do entorno vão absorver as crianças para quem ninguém perca o ano” comentou.

A equipe do Eixo Direito à Segurança Pública e Acesso à Justiça da ONG Redes da Maré esteve presente no local. Se precisar de atendimento, ligue ou mande mensagem no número: 21 99924-6462

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionar Ctrl + Enter.

Edu Carvalho

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Nossos editores são notificados.