Prestes a encerrar investigações, Polícia aponta traficantes como culpados pelas mortes de meninos de Belford Roxo

Prestes a encerrar investigações, Polícia aponta traficantes como culpados pelas mortes de meninos de Belford Roxo

Lucas Matheus, Alexandre Silva e Fernando Henrique desapareceram no dia 27 de dezembro de 2020

Por Edu Carvalho, em 10/09/2021 às 11h20

Nesta quinta-feira (09/9), o secretário de Polícia Civil, Allan Turnowski fez um comunicado sobre o caso dos meninos de Belford Roxo. Segundo Turnkowski, os culpados pelas mortes das três crianças foram os traficantes da favela Castelar, que fica em Belford Roxo, Baixada Fluminense. O motivo teria sido o furto de um passarinho.

A investigação tem como ponto principal a ação de Wilter Castro da Silva, o Stala, que teria autorizado o espacamento de Lucas Matheus (8), Alexandre Silva (10) e Fernando Henrique (12). Stala foi morto logo depois, a mando de Wilton Quintanilha, o Abelha.

A elucidação do desaparecimento ganhou fôlego nos últimos meses, desde quando o Ministério Público do Rio de Janeiro encontrou registros dos garotos em câmeras localizadas na rua Malopia, num bairro vizinho à comunidade Castelar.

No início do ano, um homem foi denunciado por familiares das vítimas e entregue à delegacia. Ele foi apontado como responsável pelo desaparecimento, mas logo em seguida foi solto por não apresentar ligações com o caso.

Como a localização dos corpos permanece sem conhecimento da polícia, a família não vê resolução no caso, que deve ser concluído em breve. Com o encerramento das investigações, a procura pelos restos mortais passará a não ser prioridade.

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionar Ctrl + Enter.

Edu Carvalho

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Nossos editores são notificados.