Ronda Coronavírus: Ministério da Saúde inicia campanha de multivacinação

A expectativa é vacinar 95% das crianças brasileiras contra a poliomielite

Por Andressa Cabral em 05/10/2020 às 20h51

Enquanto pesquisadores continuam no desenvolvimento da vacina da covid-19, começa nesta segunda-feira (05) a campanha de multivacinação e vacinação de poliomielite. O objetivo é imunizar e atualizar as vacinações de crianças e adolescentes de 6 meses a 15 anos, do dia 05 ao dia 30 de outubro. Com 11,2 milhões de crianças no país, a meta do Governo é imunizar 95% delas contra a poliomielite durante a campanha. Na cidade do Rio, as vacinas estarão disponíveis das 8h às 17h, nas Unidades da Atenção Primária à Saúde.

No calendário das crianças de 0 a 10 anos, 14 vacinas fazem parte da campanha: BCG, Hepatite B, Penta (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e poliomielite), Pólio inativada, Pólio oral, Rotavírus, Pneumo 10, Meningo C, Febre Amarela, Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), Tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela), DTP (tríplice bacteriana), Hepatite A e Varicela. Para os adolescentes, é o momento de se vacinar e de fazer o reforço de imunizações tomadas na infância. São elas: Hepatite B, Difteria e tétano adulto (DTPa), Febre Amarela, HPV quadrivalente, Meningocócica ACWY, Tríplice viral e Varicela.

Além dessas vacinas, também está disponível a vacina de sarampo na faixa etária de 6 meses até 59 anos. Dessa forma, os adultos que forem levar as crianças para se vacinar podem aproveitar a ida às unidades de saúde para também se imunizar.

Testes de possível imunizador contra a covid-19

Também nesta segunda-feira (05), 1000 profissionais da área da saúde que atuam no Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE) e no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) serão vacinados com a vacina BCG, medicamento que está em fase de testes e que pode ser um possível imunizador contra o coronavírus. Após a imunização, esses profissionais dos hospitais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), serão monitorados de seis meses a um ano para coleta de dados.

A iniciativa faz parte da RedeVírus, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e a Fiocruz também está desenvolvendo ensaios clínicos com a BCG contra a covid-19. A vacina, entretanto, não é uma substituta para a vacina contra a covid-19, mas uma solução provisória que pode ajudar no combate da doença enquanto a vacina oficial não fica pronta. 

Boletim Covid-19

Pelo quinto dia seguido, o estado do Rio tem tendência de queda na média móvel de mortes. Segundo o boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), o estado registrou 18.780 mortes e 273.338 casos confirmados. Foram 11 vítimas e 1.637 pessoas infectadas nas últimas 24h. O Rio de Janeiro é o quarto estado do país em números de casos, atrás de São Paulo, Bahia e Minas Gerais. Ainda segundo a SES,  a cidade do Rio registrou 107.643 casos e 11.118 mortes por covid-19 na noite desta segunda-feira (05). Até o fechamento, o painel da Prefeitura não tinha atualizado os dados e disponibilizados os números da Maré.

Nas últimas 24h foram mais 323 mortes e 11.946 casos de coronavírus no país, fazendo com que fiquemos mais próximos dos 5 milhões de casos. Segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, o país tem até o momento 146.675 mortes e 4.927.235 casos de covid-19. De todos os casos, São Paulo é o estado com o maior número de casos, ultrapassando no domingo (04) a marca de 1 milhão de pessoas contaminadas. 

Mesmo com o número, o governador de São Paulo, João Doria, determinou o retorno opcional às aulas presenciais da rede pública de ensino a partir do dia 07 de outubro.

Mamografia gratuita

O Rio Imagem oferece gratuitamente ao longo do mês de outubro o exame de mamografia para mulheres moradoras do estado do Rio na faixa etária de 50 a 69 anos. A iniciativa faz parte da campanha do Outubro Rosa, de prevenção ao câncer de mama. As interessadas em realizar o exame devem comparecer na Avenida Presidente Vargas, nº 1.733, de segunda à sábado, de 8h a 17h, com encaminhamento de hospital público, não precisando de agendamento. 

Dia Nacional do Agente Comunitário de Saúde

Dia 04 de outubro é dia de celebrar e exaltar o trabalho dos agentes comunitários de saúde, profissionais que trabalham diariamente em um programa que há mais de 30 anos mantém a população próxima de seus direitos básicos de saúde. Confira aqui sobre o trabalho desses profissionais.

Colabora nesta Maré de Notícias

Começou hoje a divulgação aqui no nosso portal e também no site do Projeto Colabora as cinco reportagens vencedoras do Edital que ofereceu 3 mil reais em bolsa para jovens jornalistas da Maré. Conheça a reportagem de Matheus Luis Chagas e Eliane Lopes sobre os desafios da educação à distância na Maré clicando aqui. Também já está disponível a matéria de Mylene Fortunato sobre as dificuldades encontradas para o sustento da família por mulheres negras mareenses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui