Ronda Maré de Notícias: Semana com Hospital de Bonsucesso em chamas e grávida em estado grave durante uma operação na Maré

A ação dos agentes do Estado deixaram moradores da Maré sem atendimento médico em três clínicas da família. Hospital de Bonsucesso é fechado por causa do incêndio

Antes de 5h da manhã de terça-feira, 27 de outubro, moradores da Maré acordaram ao som de tiros, resultado de uma operação policial que se estendeu ao longo do dia em algumas das 16 favelas do conjunto. Cerca de 300 agentes da Polícia Civil em dezenas de viaturas e cinco blindados entraram no Parque União e com o passar do dia, a operação se estendeu para Rubens Vaz, Nova Holanda, Parque Maré, Baixa do Sapateiro e Morro do Timbau. Houve registros de tiros na Rua do Serviço no fim da manhã e na Vila dos Pinheiros no meio da tarde. 

A ação policial durou cerca de 11h e aconteceu em decorrência de uma investigação de três meses, que mapeou 100 pessoas com mandado de prisão que supostamente estavam escondidas na Maré.  Dezenove pessoas foram presas/apreendidas entre adultos e adolescentes. Uma mulher grávida de quatro meses foi baleada ao sair de casa e levada para o Hospital Municipal Evandro Freire. Segundo moradores, alguns policiais estavam em cima de uma laje na Rua da Praia, quando a moça saiu de uma casa. Os policiais dispararam e ela foi atingida na barriga. Maiara Oliveira passou por cirurgia e encontra-se internada em estado grave. O bebê morreu na tarde de quarta (28).

Durante todo o dia de terça-feira (27), os moradores sofreram forte impacto no atendimento médico na região. Além das Clínicas da Família CF Augusto Boal, Diniz Batista dos Santos e Jeremias Moraes da Silva que suspenderem os seus atendimentos, um dos prédios do Hospital Geral de Bonsucesso amanheceu em chamas. Cerca de duas mil pessoas são atendidas diariamente na unidade. Com o incêndio, mais de 160 pessoas foram transferidas para outros hospitais, como Getúlio Vargas (Penha), Souza Aguiar (Centro), Evandro Freire (Ilha do Governador) e Fiocruz (Manguinhos). Quatro pessoas morreram em decorrência da transferência: Núbia da Silva Rodrigues, 42 anos que estava internada com covid-19; uma senhora de 83 anos, não identificada, também internada com covid-19; Marco Paulo Luiz, de 39 anos, que também estava infectado com o novo coronavírus; e uma idosa de 73 anos ainda não identificada.

Números da covid-19

Nesta sexta-feira (30), a Maré registra 1.916 casos e 156 mortes por covid-19, entre confirmadas e autodeclaradas, de acordo com o Painel Unificador Covid-19 nas Favelas. As favelas tem 17.961 casos e 2.223 mortes relatadas até o momento pelo painel. Já no Painel da Prefeitura, a Maré acumula 779 casos confirmados e 126 mortes em decorrência ao vírus. 

Nessa semana o Painel Unificador das Favelas lançou um vídeo sobre o painel desenvolvido para computar os casos de covid-19 em favelas e periferias do Rio de Janeiro. O objetivo é conscientizar a população sobre a importância da produção e acesso de dados para  melhor entender a pandemia nessas localidades, e faz um convite para as pessoas se tornarem relatoras de casos dentro do painel. O vídeo está disponível no site junto ao painel.

Conscientização do Outubro Rosa na Maré

No último dia 24 de outubro aconteceu a 1a Caminhada Feminina “De mulher pra mulher gospel”, ação parte da Campanha Outubro Rosa na Maré. O evento reuniu 170 mulheres que circularam pelo território reforçando sobre a importância da prevenção do câncer de mama, promoção da saúde e do apoio comunitário. A caminhada foi realizada pelo Coletivo “De mulher pra mulher gospel”, composto por 15 mulheres moradoras e voluntárias que atuam na Maré. Confira no Instagram do coletivo. 

Atividades físicas na VOM

A Vila Olímpica da Maré (VOM) está com inscrições abertas para realização de atividades esportivas. Para se inscrever, basta consultar no Facebook da VOM os cursos disponíveis e a documentação necessária para a realização das atividades. As inscrições acontecem pelos telefones: (21) 3977-5788 e 3105-5166. O atendimento presencial é de terça a sexta, das 8h às 15h, na Rua Tancredo Neves, s/nº – Maré.

Um gás para as mulheres da Providência

Os coletivos SOS Providência e o Rolé dos Faveladxs estão juntos dando continuidade na campanha “Um gás para as mulheres da Providência”. Na primeira ação, foi possível ajudar 66 mulheres, mas a meta inicial era atingir 100 mulheres. O coletivo SOS Providência tem arrecadado itens da cesta básica e de higiene, mas percebe que é necessário também que as pessoas impactadas com as cestas também possam receber um botijão de gás para o preparo dos alimentos. É possível ajudar doando e/ou compartilhando o link da campanha.

Festa Literária rompendo barreiras

Estreou nesta quinta-feira (29) a 9ª edição da Festa Literária das Periferias 2020 (FLUP). O evento, que já circulou por algumas favelas cariocas até chegar à região portuária do Rio, acontecerá de forma virtual, permitindo que dessa forma fosse possível o intercâmbio com outras seis cidades do mundo. As mesas de debates serão transmitidas pelo canal do YouTube do Festival ao longo de hoje (30/10) e amanhã (31/10), e dos dias 01, 06, 07 e 08 de novembro. Confira a programação completa aqui.

Agenda Cultural para o Fim de Semana

E na sua primeira edição on-line, o Indie Festival começa a partir de quarta, exibindo 35 de 16 países. Entre os destaques está a pré-estreia de Vitalina Varela, filme do Pedro Costa, cineasta português premiado em Locarno.

Estreia hoje (28/10), a exposição on-line “Em Luta: vítimas, familiares, terrorismo de Estado”, mostra que conta com sete salas virtuais com fotos, vídeos, áudios, documentos, imagens de faixas e artesanato produzido por 25 coletivos de mães de todo o país. A mostra faz parte da 32ª Reunião Brasileira de Antropologia e pode ser visitada aqui.

Também nesta sexta-feira (30) acontece o último dia da exibição do Encontro de Cinema Zózimo Bulbul: Brasil, África, Caribe e outras diásporas. A mostra, que acontece anualmente no Cine Odeon, migrou para o virtual e está com sessões gratuitas. A programação completa e o link para as sessões estão disponíveis aqui.

Começa no sábado (31) e vai até o dia 08 de novembro o 10º Encontro Estéticas das Periferias, evento organizado pela Ação Educativa na cidade de São Paulo. Nesta edição virtual traz mais de 60 atividades, como a dança gumboot, a percussividade afro-brasileira do bloco Zumbiido e a literatura de Ferréz. Confira a programação completa aqui.

No sábado também é celebrado o aniversário de Carlos Drummond de Andrade. Em comemoração da data, o Instituto Moreira Salles disponibiliza um curso de José Miguel Wisnik e dois filmes sobre o poeta: Vida e Verso de Carlos Drummond de Andrade e Consideração do Poema. Os filmes estarão disponíveis aqui

Perdeu os posts da  semana aqui do MN? A gente acha para você!

Segunda (26/10):   

  • Por dentro da Maré: A insegurança alimentar e nutricional foi uma das expressões da desigualdade. Leia mais
  • Em caráter emergencial é instituída a telemedicina no país. Por Hélio Euclides. Leia mais

Terça (27/10):

  • Um incêndio atingiu um dos prédios do Hospital Federal de Bonsucesso, unidade que atende a Maré. Por Daniele Moura.  Leia mais
  • Mulher grávida é atingida em operação policial na Maré. Pela Redação. Leia mais

Quarta (28/10):

  • Concurso Ideias Maré-Cidade traz soluções urbanas para a Maré. Por Thaís Cavalcante. Leia mais 

Quinta (29/10):

  • Maré de Notícias inicia parceria para checagem de fatos junto à Agência Lupa e aos coletivos Favela em Pauta e Voz das Comunidades. Por Thaís Cavalcante. Leia mais
  • #CaiuNaRede: Caiu na Rede é Fake?
  • Checagem 1 : Respiramos gás carbônico ao usar máscara, mas quantidade não é prejudicial a saúde
  • Checagem 2:  É falso sorteio de Cartão Reforma no valor de R$ 5 mil
  • Checagem 3: É falso que ex-boxeador Maguila esteja pedindo ajuda para sair de clínica

Sexta(30/10):

  • Escolas da Maré se reinventam para levar conteúdo aos estudantes. Por Hélio Euclides. Leia mais
  • FLUP 2020: Festa Literária das Periferias faz integração com outras seis cidades do mundo para tratar de questões raciais. Por Andressa Cabral Botelho. Leia mais
  • Na Escola Livre de Dança da Maré professores e alunos não dançam fora do ritmo, o esforço é grande para que o corpo continue em movimento e o trabalho não seja interrompido.   Por Hélio Euclides. Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui